CURSO LIVRES

Investimento:
Investimento R$ 90,00 Dividido em 2 vezes de R$ 45,00
Carga horária do Curso: 40

Curso de Extensão em História da África e da Cultura Afro-Brasileira

Sobre este curso

EMENTA

Análise sobre a historiografia africana: fontes de pesquisa e os debates teórico-metodológicos. Estudo sobre a presença humana no continente africano e a história da África: da Pré-História à Antiguidade. Religiosidade africana: Orixás, Islamismo e Cristianismo. A dinâmica escravista no Continente Africano. A África no contexto da expansão mercantil. O processo de colonização e a diáspora africana nas Américas. Neolocolonialismo e a partilha da África. Os processos de independência.

Conteúdo do curso

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

1. Historiografia sobre a África
2. A África subsaariana: do século I ao século XIV
3. O Magreb ou a África Mediterrânea da Antiguidade
4. A dinâmica escravista anterior à presença portuguesa
5. A presença de escravizados africanos no Brasil Colonial e Imperial
6. A presença de escravizados africanos no Brasil Colonial e Imperial
7. Os processos de independência na África do século XX
8. Cultura afro-brasileira: elementos constitutivos e vivências

BIBLIOGRAFIA BÁSICA

SILVA, Alberto da Costa e. A enxada e a lança: África antes dos portugueses. 3 ed. rev. e ampl. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 2006.
MACEDO, José Rivair. História da África. São Paulo: Contexto, 2011.
UNESCO. História geral da África. Brasília: UNESCO/Secad/MEC, UFSCar, 2010. 8 Vol. Disponível em: . Acesso em: 23 jul. 2018.
ZERBO-KI, J. (Ed.) Historia Geral da África: metodologia e pré-História da África. 2. ed. Brasília, DF: Unesco, 2010. v. 1.

BIBLIOGRAFIA COMPLEMENTAR

DAVIDSON, B. A descoberta do passado da África. Trad. Jose Maia Alexandre. Lisboa: Sa da Costa, 1981.
GIORDANI, M. C. História da África anterior aos descobrimentos. 4. ed, Petrópolis: Vozes, 1985.
GORENDER, J. O escravismo colonial. 6. ed. Sao Paulo: Atica, 1992.
NASCIMENTO, Elisa Larkim (org.). Culturas em movimento: matrizes africanas e ativismo negro no Brasil. São Paulo: Selo Negro, 2008.
______. Afrocentralidade: uma abordagem epistemológica inovadora. São Paulo: Selo Negro, 2009.
RODRIGUES, Raymundo. Os africanos no Brasil. São Paulo: Madras, 2008.

Metodologia

Aula 100% on line, com vídeos aulas e material para leitura para a fixação do conteúdo programático, todo o curso será via plataforma EAD-AJES.

Grade

História da África e da Cultura Afro-Brasileira 40
Carga Horária Total: 40